Hugo adere ao Dezembro Vermelho

Unidade promoveu testagem rápida para HIV, sífilis e hepatites B e C. Foram realizados 688 testes em ação de prevenção à Aids e outras Infecções Sexualmente Transmissíves

Em alusão ao Dezembro Vermelho, mês de conscientização e luta contra o HIV/AIDS, o Hospital de Urgências de Goiás Dr. Valdemiro Cruz (Hugo) disponibilizou na terça-feira, 1, Dia Mundial de Combate à Aids,  testes rápidos para HIV, sífilis e hepatites B e C para pacientes, acompanhantes e colaboradores. A ação marca a abertura da Campanha Nacional Dezembro Vermelho da Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO).

Durante o dia, foram realizados 688 testes e 172 pessoas foram atendidas. A enfermeira do Núcleo Hospitalar de Epidemiologia do Hugo, Luzia Oliveira, explica que a realização dos testes é importante no diagnóstico precoce das doenças. “A ação alertou sobre a necessidade de educação permanente, prevenção e, principalmente, conscientização a respeito de atitudes de risco e as medidas preventivas que podem ser abordadas por cada um”, disse.

A profissional revela que os pacientes que testaram positivo receberam orientações dos profissionais de saúde. “A equipe orientou sobre os exames que também devem ser realizados para a confirmação do diagnóstico, no caso de sífilis e hepatites. Outra orientação importante é quanto à necessidade de entrar na rede de saúde para acompanhamento e tratamento”, afirmou.

De acordo com a SES-GO, de 2010 a novembro deste ano, Goiás já registrou 14.163 casos de HIV, dos quais 11.072 na população masculina e 3.091 na feminina – desses 1.765 em gestantes. Há ainda o registro de 24 crianças vivendo com HIV – sete delas menores de 5 anos – e 387 casos de óbitos por Aids, divididos entre 242 do sexo masculino e 145 do feminino. Somente em 2022, foram registrados 38 óbitos por Aids e 755 adultos com HIV. A faixa etária de maior contaminação entre adultos e gestantes é de 20 a 39 anos.

Foto:  Divulgação Ascom Hugo

Texto: Julianna Adornelas - Instituto CEM/Hugo