HEMNSL abre programação da campanha Novembro Azul

Com duração de três dias e focada na saúde do homem, a unidade do Governo de Goiás preparou várias atividades para estimular o homem a se cuidar

Jackeline Rocha ministrou palestra e pôs colaboradores, pacientes e acompanhantes no alongamento

Os homens, de modo geral, não vão muito a médicos. A maioria espera as doenças se manifestarem para, então, se preocupar com elas. No intuito de alertar os colaboradores e acompanhantes sobre a importância do cuidado à saúde do homem como um todo, focando na prevenção e no autocuidado, o Hospital Estadual e Maternidade Nossa Senhora de Lourdes (HEMNSL) deu início, na quarta-feira (23/11), à programação especial em alusão à campanha Novembro Azul, mês de conscientização sobre a saúde do homem.

Além de alertar para a importância do diagnóstico precoce do câncer de próstata, o mais frequente entre os homens brasileiros, depois do câncer de pele, o movimento busca sensibilizar os homens para terem um maior cuidado com seu corpo e também sua mente. Praticar exercícios, ter uma alimentação equilibrada, não fumar, praticar sexo seguro, e, também, fazer o exame da próstata, periodicamente.

Para incentivar uma mudança cultural na população masculina e fortalecer os hábitos saudáveis, a Comissão Interna de Prevenção de Acidentes (Cipa), com apoio de outros setores da unidade, preparou um cronograma de atividades, de 23 a 25 de novembro.

No primeiro dia, a palestra foi sobre alongamento, ministrada pela fisioterapeuta Jackeline Rocha. A profissional começou perguntando quantas pessoas, entre o público presente, praticam atividades físicas e se elas costumam se alongar antes das atividades.

Na oportunidade, Jackeline falou sobre as razões para realizar o alongamento, os benefícios dessa prática e a importância de se alongar no trabalho, antes de um exercício físico e no seu dia a dia. Ela destacou que os alongamentos são essenciais para evitar e suavizar dores na coluna e nas articulações e ajuda na prevenção de lesões, além de aumentar a flexibilidade muscular.

Alongamento
Após a aula teórica, a fisioterapeuta deu uma aula prática de alongamento e colocou toda a turma para se movimentar. A interação agradou a todos. “Foi muito bom. O alongamento deu até mais disposição para o trabalho”, pontuou o colaborador Tiago Santana. “Ótimo evento para abrir nossa visão sobre o cuidado com a saúde”, disse José Dilberto.

O analista de TI, Cristiano Ferreira, que estava na maternidade para buscar sua esposa e filho que receberam alta, participou do evento. “Estou encantado com essa maternidade. Muito contente com o atendimento e com tudo que vivenciamos aqui. Amei participar da palestra, a profissional é excelente!”, destacou o acompanhante.

“Buscamos uma programação que possa conscientizar nossos colaboradores que para ter qualidade de vida é preciso adotar hábitos saudáveis e fazer um acompanhamento médico regular”, afirmou o presidente da Cipa, Geraldo Reis.

Marilane Correntino (texto e fotos)/IGH