HDT celebra Dia Mundial de Combate à Aids com doação de sangue e ações culturais

Ação em parceria entre unidades do Governo de Goiás é um sucesso, com mais de 60 bolsas de sangue doadas e 21 cadastros de medula realizados

Voluntário doa sangue na unidade móvel do Hemocentro Coordenador, que ficou o dia todo no HDT

Para celebrar o Dia Mundial de Combate à Aids, comemorado no dia 1º de dezembro, a equipe do Departamento de Ensino e Pesquisa do Hospital Estadual de Doenças Tropicais Dr. Anuar Auad (HDT), gerido pelo Instituto Sócrates Guanaes (ISG) promoveu o evento: 40 anos de HIV – HDT inserido no milagre da medicina.

Nesta quarta-feira (1º/12), a unidade recebeu – pela terceira vez no ano – a unidade móvel do Hemocentro para a captação de bolsas de sangue. Mais uma vez, a parceria entre as unidades do Governo de Goiás foi um sucesso, com mais de 60 bolsas de sangue doadas e 21 cadastros de medula realizados.

Além disso, a equipe contou com apresentações musicais e culturais. O médico infectologista do HDT Mário Sakai promoveu uma apresentação com guitarra no jardim da unidade, e o artista performático Guto Rocha realizou, no ambulatório e no auditório, o show Toda forma de amor.

A programação se encerrou com uma mesa-redonda, que teve falas de grandes expoentes da infectologia goiana sobre os principais aspectos e avanços da doença, além, claro, do papel do HDT nesse contexto.

Representes da SES
O superintendente de Atenção Integral à Saúde, médico Sandro Rodrigues, e o assessor institucional do secretário de Estado da Saúde, Ismael Alexandrino, Fernando Jesus, representaram a SES-GO. Segundo Sandro Rodrigues, o HDT é uma das principais unidades de infectologia do País.

“Temos muito orgulho de ter o HDT na saúde pública de nosso Estado. Esta unidade possui um corpo clínico e multiprofissional de gabarito. É o único hospital especializado em infectologia no País com certificação ONA 2 e grande referência para a Região Centro-Oeste no atendimento a pacientes com doenças infecciosas e dermatológicas. A celebração do dia mundial da luta contra a aids é mais um reforço da atuação protagonista do HDT na saúde pública”, pontuou.

Para a supervisora de Residência Médica em Infectologia e Coordenadora do Departamento de Ensino e Pesquisa do HDT, Lísia Moura Tomich, organizadora do evento comemorativo, o papel do HDT em todo o contexto da Aids no Estado de Goiás é de vanguarda.

“Nosso hospital teve e tem papel fundamental na prevenção do HIV, no diagnóstico precoce e no tratamento de pessoas que vivem com HIV. Nossa atuação, desde o apoio clínico, psicológico e social com os pacientes, sem sombra de dúvidas, colabora para a desestigmatização da doença, fortalece a adesão ao autocuidado e possibilita que as pessoas tenham qualidade de vida.”

Para encerrar, o evento ainda contou com a exibição do curta-metragem “Beat 97”, que participou do Festival Internacional da Diversidade Sexual e de Gênero de Goiás (Digo).

Igor Guimarães (texto e foto)/ISG
 

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.