Profissionais discutem a qualidade da nutrição do paciente no Huapa

Promovida pela Equipe Multidisciplinar de Terapia Nutricional, reunião científica reúne cerca de 30 colaboradores da unidade do Governo de Goiás

Profissionais da unidade do Governo de Goias Huapa participam de palestra sobre qualidade da nutrição do paciente

Cerca de 30 profissionais, entre médicos, enfermeiros, nutricionistas, fisioterapeutas, farmacêuticos e técnicos em enfermagem do Hospital Estadual de Urgências de Aparecida de Goiânia Cairo Louzada (Huapa), se reuniram no dia 19 de fevereiro (sexta-feira), na 1ª Reunião Científica promovida pela Equipe Multidisciplinar de Terapia Nutricional (EMTN) do Huapa. Em foco, a qualidade da nutrição do paciente crítico internado na unidade. O evento contou com a parceria da Via Nut e Nestlé Health Service, que colaboram com alimentação enteral e parenteral, em conjunto com o setor de Nutrição. 

O gestor de Qualidade da Via Nut, Gustavo Sousa, começou a palestra detalhando o que é a desnutrição, seus tipos e impactos, e também descreveu o custo de um paciente desnutrido para um hospital, reforçando a importância de se ter uma terapia nutricional de qualidade. 

“Um paciente de longa estadia eleva em 60,5% o custo de uma internação, fora que isso pode aumentar as chances de desnutrição hospitalar, complicações, readmissões, necessidade de suporte domiciliar e mortalidade”, apontou. Em seguida, aprofundou a didática sobre o papel da terapia nutricional, fundamental para a manutenção e recuperação da saúde, por meio da suplementação enteral e parenteral. 

Já a assessora técnica da Nestlé Health Service, Marcela Siqueira, apresentou as opções de produtos disponíveis no mercado e mais utilizadas em hospitais, que são essenciais para uma terapia nutricional de qualidade para o paciente. “A escolha correta da dieta, de acordo com as necessidades do paciente, faz com que o tempo corra ao nosso favor, diminuindo assim a permanência dele no hospital e auxiliando em sua recuperação”, assegurou.

Segundo a coordenadora da EMTN do Huapa, a nutróloga Bruna Carvalho, esse é primeiro de muitos encontros da equipe com o intuito de discutir o bem-estar do paciente. “A nossa equipe é composta por profissionais de diversas áreas, portanto esse evento é de suma importância para que haja uma união dos trabalhos em benefício do paciente”, argumentou. 

“Treinamentos como esse são essenciais para ajudar na recuperação dos pacientes de uma unidade hospitalar, além de contribuir na atualização científica e acadêmica dos profissionais, resultando em uma atuação consciente e segura na assistência ao paciente”, avaliou, por sua vez, a coordenadora da Farmácia, Elisa Gonzaga.

Yasmine de Paiva (texto e foto)/IGH

 

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.