Possível transferência de pacientes de Manaus (AM) para Goiás

NOTA DE ESCLARECIMENTO- Possível transferência de pacientes de Manaus (AM) para Goiás

A possível transferência de pacientes com a Covid-19 de Manaus, no Amazonas, para Goiás não se trata de uma decisão do Estado de Goiás, mas sim do Governo Federal. O Ministério da Saúde (MS) solicitou que Goiás recebesse 120 pacientes encaminhados pela Secretaria de Estado da Saúde do Amazonas (SES-AM). O Estado de Goiás foi um dos escolhidos por estar, no momento, com quantidade de leitos que suportaria tal apoio.

Caso esses pacientes sejam transferidos para Goiás, a SES-GO organiza junto ao Hospital das Clínicas (HC) da Universidade Federal de Goiás para que eles sejam internados na unidade. O HC é um hospital inaugurado recentemente e que conta com espaço vago e estrutura para abertura de novos leitos. Assim, é possível atender as pessoas do Amazonas sem impactar a rede estadual de saúde goiana. 

De acordo com informações da SES-AM, será realizada uma triagem dos pacientes que seriam elegíveis para vir. Essa avaliação será validada por técnicos e consultores da Organização Pan-americana de Saúde (Opas) e do Hospital Sírio-Libanês para que seja homologada pelo Ministério da Saúde. A partir disso será programado o embarque, voo e desembarque. 

O Governo de Goiás segue à disposição e aguarda mais detalhes do MS e SES-AM sobre a lista de pacientes, estado clínico e demais informações para repassar sobre o caso.

Secretaria de Estado da Saúde de Goiás

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.