Governo de Goiás assessora prefeituras na elaboração de planos municipais de saúde

Seminário faz parte de uma série de ações para apoiar os municípios na elaboração de documentos que devem estar de acordo com a realidade de cada cidade e em harmonia com os princípios e diretrizes adotadas na legislação básica e normas do Sistema Único de Saúde (SUS)

O Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado da Saúde (SES-GO), realizou, na segunda-feira (22/06), o seminário Planos Municipais de Saúde para assessorar as prefeituras goianas na elaboração do documento que norteará o planejamento e orçamento das cidades no tocante à saúde. Participaram da reunião, o Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do Estado de Goiás (Cosems-GO), Superintendência do Ministério da Saúde em Goiás , Regionais de Saúde, gestores e técnicos municipais de saúde.

A assessora técnica da Subsecretaria de Saúde da SES-GO, Simone Camilo, destacou que já foram realizadas outras ações para apoiar a elaboração dos planos municipais, como “lives”; a disponibilização do guia Assessoramento aos municípios na elaboração dos Planos Municipais de Saúde; publicação de nota técnica pelo Cosems; realização de oficinas pelo Ministério da Saúde. Mesmo com essas ações, percebeu-se a necessidade de identificar um ponto focal para o plano em cada município, e depois realizar o seminário e mais duas oficinas.

“Com o seminário queremos identificar como está o plano de saúde em cada município para ajudar aqueles que sentirem a necessidade de assessoramento”, esclareceu Simone. Já a representante do Cosems-GO, Lucélia Ferreira, destacou o trabalho conjunto para apoiar as secretarias de saúde na elaboração dos seus planos. “Todos temos tido dificuldades e inúmeras demandas inúmeras. Há o interesse em trabalhar conjuntamente, em podermos apoiar e atender os municípios”, afirmou.

A SES-GO identificou que 70% dos municípios goianos iniciaram o levantamento de dados para a elaboração dos seus planos, mas muitos ainda não concluíram essa pesquisa e passaram para as demais etapas da análise de situação. As próximas oficinas serão sobre Análise de Situação de Saúde e Diretrizes, Objetivos, Metas e Indicadores (DOMI). O Estado também disponibilizou um Grupo de Trabalho Macroregional para apoiar os municípios.

Patrícia Almeida/Comunicação Setorial
 

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.