Ambulatório

O Protocolo Estadual de Regulação do Acesso Ambulatorial é um conjunto de diretrizes destinado a subsidiar a organização do processo de regulação do acesso, promovendo a utilização adequada e racional das ações e serviços de saúde, nos diversos níveis de atenção, sendo composto por critérios de encaminhamento, classificação de prioridades e fluxo de acesso, para aplicação no âmbito dos serviços ambulatoriais das unidades de saúde sob regulação estadual.

Público Alvo

Profissionais de saúde técnicos e administrativos envolvidos direta ou indiretamente na assistência ou no processo de regulação do acesso para encaminhamento da Atenção Primária à serviços de saúde de maior complexidade, sejam SOLICITANTES, REGULADORES ou EXECUTANTES, no âmbito do serviço público de saúde no Estado de Goiás.

Da periodicidade de atualização
O Protocolo de Regulação do Acesso Ambulatorial será submetido a atualização:
  • periódica (obrigatoriamente a cada 2 anos);
  • instantânea (sempre que o grupo elaborador recuperar informações importantes que exijam mudanças fundamentais) e devido a incorreções (percebidas pelo público leitor ou outros profissionais), que deverão ser inseridas a qualquer momento.
Um canal de comunicação será criado para receber sugestões e críticas, as quais serão analisadas pelo grupo elaborador para subsidiar tal atualização.
Image
Image

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.