links de interesse mapa do site webmail

 
Imprimir

Representantes da Apae de Mato Grosso do Sul e de Gois homenageiam Maria Lcia Carnelosso

01/07/2011

Representantes da Associação de Amigos e Pais dos Excepcionais - Apae – de Mato Grosso do Sul (MS) e de Goiás homenagearam nesta sexta-feira, 1º de julho, a assessora técnica do gabinete da Secretaria de Estado da Saúde (SES), Maria Lúcia Carnelosso, que contribuiu para a implantação do Programa de Proteção à Gestante em Goiás, conhecido como Teste da Mamãe. Ela recebeu o título de sócia honorária da Associação Brasileira de Proteção Gestacional.

“É gratificante receber uma homenagem de parceiros como a Apae, que trabalha para resgatar a dignidade de pessoas, como nesse programa, que promove a prevenção, protegendo não só a gestante como seu filho”, ressalta Maria Lúcia ao receber a homenagem em seu gabinete.

Segundo o superintendente do Instituto de Pesquisas, Ensino e Diagnósticos da Apae (IPED) de MS, Carlos Augusto Botelho, o Programa de Proteção à Gestante iniciou naquele estado há 9 anos. “Fomos pioneiros no país. E na época, Maria Lúcia era superintendente de Políticas de Atenção Integral à Saúde e contribui para implantá-lo em Goiás, em parceria com a Apae”.

Carlos Augusto explica que por meio do teste, as grávidas que fazem o pré-natal pelo Sistema Único de Saúde (SUS) têm  à sua disposição exames  não só de  sífilis e HIV/Aids gratuitamente, como garante o Ministério da Saúde, mas também a detecção de  outras sete patologias suscetíveis à transmissão da mãe para o feto.

Entre as doenças que podem ser diagnosticadas pelo exame: sífilis e HIV/Aids, doença de Chagas, toxoplasmose, rubéola, hepatites B e C, citomegalovirose, HTLV e finilcetonúria materna.
 
“O maior ganho com o programa é que atendemos de mesma forma, gestantes de qualquer lugar, do interior e da capital, independente da classe social”, comemora Carlos Augusto, ao acrescentar que outro benefício proporcionado é o maior vínculo da futura mamãe com a unidade básica de saúde, local em que pode fazer todo o seu pré-natal.

Participaram da homenagem Maria Aparecida Botelho, coordenadora laboratorial do IPED de MS; Ana Lúcia Minuzzi, coordenadora técnica e José Vicente Macedo Filho, diretor administrativo  do IPED de Goiás.