links de interesse mapa do site webmail

 
Imprimir

A Central de Odontologia

27/08/2010

A Central de Odontologia, em 1980, era uma unidade ligada ao Instituto Nacional de Assistência Médica e Previdência Social (INAMPS) e funcionava na Rua 83, Setor Sul, realizando atendimentos nas áreas de:

  • Urgência Odontológica
  • Tratamento curativo de crianças na faixa etária de 0 a 5 anos
  • Cirurgia e Prevenção de Câncer Bucal
  • Perícias odontológicas para encaminhamento de tratamento curativo para Cirurgiões-Dentistas credenciados pelo INAMPS.
     

Com a implantação do SUS, em 1988, iniciou-se a participação do Estado na Unidade e, em 1989, a Central de Odontologia foi transferida para Rua 68 nº 500, Centro. Neste mesmo ano houve a transferência do atendimento, antes realizado pela União, para a responsabilidade do Estado.

A década de 90 foi marcada por muitos avanços com a implantação de programas pioneiros em saúde pública, como atendimento a bebês e Ortodontia Preventiva, por meio das técnicas da Reabilitação Neuro Oclusal (RNO) e em algumas especialidades como a Endodontia (canal), a Periodontia (gengiva) e a Radiologia.

O Programa de Prevenção de Câncer, iniciado na década de 80, atuante até os dias de hoje, além do atendimento à população, já capacitou um número expressivo de profissionais  sendo reconhecido em Goiás, bem como em vários outros estados do país.

Em 2003, com a reestruturação dos serviços prestados, de acordo com as políticas e normas do SUS/SES, a Central de Odontologia mudou seu perfil de atendimento e foram implantados novos serviços especializados.

Mais uma vez, na vanguarda e com a garra presente nos pioneiros, iniciou-se o Serviço de Implantes Ósseo integrados no serviço Público, com ampliação do atendimento na especialidade de Ortodontia, com oferta e extensão da Ortodontia Corretiva.   

A Central de Odontologia de Goiânia é uma unidade de referência da Secretaria de Saúde do Estado de Goiás e habilitou-se ao Programa Brasil Sorridente / MS tornando-se um Centro de Especialidades Odontológicas (CEO – Tipo III), a partir de 2004, com a implantação da especialidade de Prótese e instalação do Laboratório de Prótese Dentária.

Seus profissionais estão entre os mais qualificados, com especialistas, mestres e doutores, destaques nas suas áreas de atuação, o que possibilitou à SES o estabelecimento de um acordo de cooperação, com as Faculdades de Odontologia da UFG e de Anápolis, para oferta de estágios curriculares aos alunos destas instituições, nesta Unidade.

Desde 2008 o atendimento é realizado apenas aos pacientes que já se encontram regulados através da Central de Regulação da Secretaria Municipal de Saúde (SMS).

Os pacientes devem primeiramente procurar a Unidade de Saúde mais próxima de sua residência, onde serão examinados pelo Cirurgião Dentista destas Unidades Básicas. Estes profissionais  verificarão a necessidade de tratamento especializado, procedendo aos protocolos de encaminhamento para a Central de Regulação e, posteriormente para  a Central de Odontologia.

Para dar mais agilidade e eficiência no atendimento aos pacientes, a unidade possui um serviço denominado SAQ (Serviço de Avaliação e Qualidade), que realiza auditorias iniciais e finais, garantindo ao paciente o atendimento de suas necessidades com um tratamento de qualidade.

Atualmente, prestamos atendimento nas especialidades de: Cirurgia Buco-maxilo-facial, Prevenção e Diagnóstico de Câncer Bucal, Endodontia, Implantodontia, Ortodontia   Periodontia, Radiologia e Reabilitação Oral - Dentística e Prótese e Atendimento aos pacientes portadores de necessidades especiais.

A Central de Odontologia de Goiânia é uma Unidade de Referência para Goiânia e municípios do interior, e recebe pacientes apenas através da Central de Regulação do município de Goiânia.

Na Central são atendidos em torno de 2.100 pacientes e realizados uma média de 3.000 procedimentos mensais. Estes atendimentos são feitos nas Especialidades: Cirurgia-buco-maxilo facial( média de 300 procedimentos), Endodontia( média de 300), Ortodontia( média de 140), Periodontia(média de 630), Radiologia(média de 650), Reabilitação Oral(média de 630), Pacientes Especiais(média de 65) e Serviços de Laboratório de Prótese(média de 500).

A maior procura, onde a demanda fica reprimida, é para a Especialidade de Endodontia e de Prótese (Reabilitação Oral). A idade dos pacientes é muito variada. No ano de 2008 foram realizados 36.889 procedimentos e, em 2009 33.787 procedimentos.